18 de Março de 2015

“The sound of the crust”

Quando se vai a Paris, tem-se a sensação de se ter mais de cinco sentidos. Não estou falando do sexto, não. É alguma coisa entre o olfato e o paladar, mas que mistura ainda um pouco de audição e visão. E por que não de tato? É mais ou menos como o surgimento do quinto […]

Continue lendo